Onipresença digital

Posted by in Trópico de Câncer

Quanto mais o esfincter aperta, maior a proporção da merda que se acumula na mente de quem está na travessia da corda bamba. Caio em prantos quando a pergunta básica bate na minha porta. Talvez por isso, como bom terráqueo, ande com idéias de auto-conservação. Pensei que podia virar uma figura virtual, por exemplo. Uma coisa que permaneça e vença o tempo, a vida, a presença física, a realidade. A loucura é tal que talvez me transforme num logo, num mangá, numa figura onipresente, enfim, que estaria em vários lugares, conversando com várias pessoas em diversas partes do mundo, tudo ao mesmo tempo. Você visita o site e lá vai poder perguntar qualquer coisa para o velho amigo Enrico. E ele vai responder de tal forma que o companheiro não terá qualquer dúvida sobre quem escreveu aquelas respostas, embora elas tenham sido pré-programadas. Um apanhado da minha personalidade garantiria um diálogo tão convincente quanto o proposto pelo horóscopo nosso de cada dia. Afinal, se meu esperma podem ser congelado a partir de domingo, por que não minha mente, minhas idéias, minha personalidade?

BLOGGER

Trópico de Câncer
Comentários do post 35539550

Fala Espartano. Rapaz, que coisa toda. Tempos que não venho aqui. Só te digo uma coisa: posso parecer babaca, imbecil, mas nunca virei aqui para dizer desista. Só virei aqui para te dizer: essa porra dessa luta vai até o fim. E, lembrando Hemingway: “um homem pode ser destruído, mas nunca derrotado”. Abç

Gustavo/Bahia | 17-03-2005 10:15:19

Olá! Apesar da correria e dos problemas que apareceram nesta semana, estamos aqui com o pensamento em ti e na Tatá. Quero que se sintam abraçados e que recebam todo nosso carinho e muita energia para enfrentar a nova etapa, que com certeza venceremos. Boa noite! E tenham um bom dia amanhã. amo voces.

zele | 15-03-2005 23:58:38

“De tudo ficam três coisas: A certeza de que estamos começando, A certeza de que é preciso continuar e a certeza de que podemos ser interrompidos antes de terminar. Façamos da interrupção um caminho novo, da queda um passo de dança, do medo uma escada, do sonho uma ponte, da procura um encontro”. Força, amigo !

Bea | Email | 13-03-2005 17:41:52

Ei menino, calma…. muita calma!!! Procure pensar no SENHOR!!! O que iniciou tudo, ele sim é forte,(Eu não sou crente daquelas que ficam com a biblia debaixo do braço), até fumo, gosto de cervejinha nos finais de semana, Mas procure ler a Biblia desde o início, tudo vai melhorar, assim quer o SENHOR! “NÃO COSTUMO DAR DINHEIRO PRÁ PASTOR” Basta vc crer, e ler, dentro do seu quarto, e pedir de todo o vosso coração, que ele lhe ouvirá, com certeza. Ele é o Deus de Abrãao,Moisés de Elias e Jacó. Leia!!!!! Abraços, Vera.

Vera L. Silva | 12-03-2005 14:21:45

Mano veio, o desaparecimento desses dias se deve ao fato de que acompanhei mais a mama nesta semana que surprendentemente está levando as coisas de forma leve. Pensei que não aguentaria este tranco desde o inicio, mas ela é uma fortaleza e já nos deu vários bons exemplos disso. Tentamos falar com voces 2 noite sem êxito, mas queremos que saibam que estamos ligados e sabendo das coisas atravez do pai e dos irmãos. JL e eu queremos que saibam que estamso a sua disposição para o que der e vier, sem constrangimentos! Tenho muito tempo livre neste mes e posso te acompanhar como motorista e como acompanhante das tarde em frente a TV ou comendo salada de frutas. Tenho liberado minhas tensões, até um herpes labial arrumei esta semana, vendo os filmes atuais. Vou ao cimema e choro bicas, saio do cinema vermelha e inchada…Cara, FORÇA, FORÇA, FORÇA e a luta continua agora e sempre! TE AMAMOS MUITO. Abraço no coração.

Zelda | 12-03-2005 12:51:39

Oi. Tô aqui chorando um bocado. Não tinha mais acessado o blog, pois dos últimos contatos entendi as publicações haviam cessado e imaginava que estavas vivendo outras circunstâncias, muito diversas dessas que acabei de ler. Também não sei direito o que fazer… sei muito de dor e de não saber se há futuro seguro. Por isso tb sei da solidão e do quanto as aproximações das pessoas, por melhores que sejam as intenções, são muitas vezes indesejáveis. Tua presença está na minha vida hoje como esteve nos ‘tempos selvagens’ e vai estar sempre, tenho certeza. Vou estar canalizando energia amorosa pra que te fortaleças e enfrentes o que ainda tenha de ser. Se quiseres alguém que leia Fernando Pessoa ou as piadas das Seleções, que faça qualquer coisa que auxilie a ti ou a Tata e alivie um pouco a atribluação desses momentos… estou aqui, é só chamar. Um beijo e um abraço bem apertado. Da amiga Claude.

Claude | Email | 11-03-2005 20:32:21