Chegou

Posted by in Trópico de Câncer

Tenho uma amiga que comprou um carro hoje. Ela vem aqui pra gente dar uma volta. Quero ver de perto, estou feliz por ela. Ela quer me mostrar o carro. Está feliz. Daí vamos rodar, rodar até uma lojinha no Centro buscar meu óculos que deixei para conserto. Pois é, quebrei. Enfim, estou enrolando aqui enquanto ela não chega. Será que estou abusando ao sugerir que o passeio tenha a direção do meu interesse? Ah, sim, a pneumonia está indo embora. Segundo Tata ela ainda está aí. Por isso continuo dentro de um ciclo da medicação que deixa meu cocô floquinho, mas não posso beber. Não pude no show dos Stones. Também não, naturalmente, no do U2. Grande coisa, você diz. Mas não é bem assim, quanto mais se tem gente em volta não só bebendo e – um prazer inexplicável – f u m a n d o … Bom, daí que não é fácil. Me atraquei na cerveja sem alcool e descobri – sem sacanagem, claro – que a ressaca é maior do que quando se bebe com alcool. Foi o meu caso ao menos. Como eu poderia adivinhar que meu instestino – assim, do nada – iria prender os gases e provocar imensa dor? Olha, ao menos sobrevivi para contar que hoje retomei a químio. Supostamente isso é uma coisa boa. E as d

BLOGGER

Trópico de Câncer
Comentários do post 38227180

Tá bom, não faço mais essas propostas pra Ritinha, mas vê se dá notícias que tô ficando angustiada!!! Beijos. Claude

Claude | 10-03-2006 20:13:44

Ritinha, vamos nos encontrar e fazer uma farra enviando energia astral pro Enrico e pra Tata. Tô nessa de expressar saudade e vontade de papear faz um tempão. Dá um sentimento de rejeição… Comprei meu carrinho usado, financiado (deve ser isso) e ele nem soube, imagina se ia querer passear. E eu continuo aqui,disposta, sem rancores, e com saudades… Minha vida vira de cabeça pra baixo, retorna pro eixo e o guri… nem aí. Em memória de outros tempos, amo de paixão essa criatura e não largo meu plantão aqui de jeito algum. Brincadeiras a parte, ô Enrico, agora que as férias (minhas acabaram) e a agenda fica bem complicada, podíamos marcar alguma coisa, né? Claude.

Claude | 01-03-2006 12:30:40

Mas quando é que a gente vai se ver, hein???? Claude, tu viste que ele ( e ela, naturalmente…, pq é um grude) foram passear de carro com uma amiga que adquiriu um automóvel (será um Simca Chamborg????). Claude, vamos nos antenar! Esse guri, esse guri…

Ritinha | 01-03-2006 11:45:13

Rico Enrico – Claude tem razão – essa menina sabe o que diz. Enfrentas teus dragões e ainda ensina aos demais a enfrentar os próprios – meus bichos andam até meio amestrados – à exceção do Luiz Antonio que tá deixando os 3 maços de cigarro e a coisa tá preta. Tbém. não bebe ( e eu tenho que ficar ou bebendo escondida ou no seco). Assisti aos Stones pela TV, o UT, tbém. Já pensaste se o Bono me chamasse – ui!!!! mas no Santana eu vou. Ah vou – ninguém segura a representante da florzinha. E já foste passear de auto?

Ritinha | 26-02-2006 11:09:54

Pois é, Enrico…porque será que ficamos tão apegados aos prazeres que todos em volta consomem? Tantas vezes prazeres convencionados – o álcool, a cerveja, etc. Faz muito que sabes da tua singularidade. Encontre outros, faça inveja a quem não os conhece. Fácil não é, mesmo. Mas não há desafio que se apresente a quem não tenha qualquer condição de enfrentá-lo. E mesmo que não concordes comigo, vens enfrentando imensos dragões que ficaram a gemer pelo caminho. E tu estás aqui! Beijo. Claude.

Claude | 25-02-2006 12:56:10